JOVEM TEM CELULAR HACKEADO E VEM SOFRENDO TRANSTORNOS EM ESPIGÃO DO OESTE

A vítima teme por sua segurança devido a grande quantidade de ameaças que vem recebendo.

Uma jovem de 18 anos, moradora de Espigão do Oeste teve seu smartphone hackeado no mês de março do corrente ano. A vítima, Stefani Lenke Elias, moradora do bairro Jorge Teixeira, vem sofrendo transtornos desde então.

Conforme boletim de ocorrência registrado na UNISP, a vítima teve todos seus dados apagados do aparelho. O hacker passou a ter acesso a todas informações contidas no dispositivo, inclusive suas redes sociais.

Narra ainda o boletim que o criminoso passou a utilizar a conta do Facebook da vítima para aplicar golpes e hackear outros aparelhos, se passando por Stefani. Depois do ocorrido, a vítima passou a receber diversas mensagens de ameaças através das redes sociais de sua mãe.

Segundo a mãe, Claudineide Lenke, o aparelho que foi hackeado permanece até três dias em modo inicial do android, sendo inutilizável.

Segundo a mãe, tudo se iniciou quando uma amiga enviou um link para filha relatando sobre algumas fotos suas que circulavam pela internet, e quando clicou no link foi solicitado para que a vítima digitasse um código, e a partir de então o aparelho apagou e reiniciou o sistema operacional do celular.

A mãe relatou a reportagem do site Sabino Sonorização constantemente recebe mensagens de ameaças e vários xingamentos direcionados a filha, inclusive algumas pessoas chegaram ir a sua residência para ameaçar sua filha, inclusive em um dos casos um homem e uma mulher ameaçaram agredir a jovem. Claudineide disse ainda que na data do registro da ocorrência, enquanto a filha estava na polícia fazendo o registro, algumas pessoas foram a sua casa na procura da jovem, relatando sobre o golpe sofrido como se fosse aplicado por Stefani.

Nossa equipe teve acesso a um dos prints, onde a vítima recebe ameaças através da conta de sua mãe, de uma pessoa que acabou sendo vítima subsequente.

Para visitar e conhecer a conta invadida, onde o criminoso age se passando pela vítima, basta clicar no link abaixo:

https://www.facebook.com/stefani.lenke

Fonte: Sabino Sonorização | Edson S. Ullig

Comments

comments