Foragido da justiça é preso pelo NI após tentar roubar residência de Policial Militar

O suspeito chegou em Cacoal a duas semanas e já foi preso três vezes pelo crime de roubo a mão armada.

Na noite da última terça-feira, (10), uma tentativa de assalto ocorreu na residência de um policial militar de Cacoal.

Segundo as informações, o fato ocorreu na rua Presidente Venceslau no bairro Industrial, por volta das 23h40, dois suspeitos pularam o muro adentraram na residência e renderam a esposa do policial  na sala, logo após o policial foi rendido enquanto descia a escadaria do quarto sentido a sala, momento esse que um dos suspeitos disse ” Se rende vagabundo” nesse momento a vítima anunciou que seria policial e então os dois suspeitos empreenderam fuga sentido ao rio. Logo após a Polícia Militar foi acionada e foi repassada as características dos suspeitos a guarnição, sendo eles, de cor parda, aproximadamente 1,80 de altura, magros e um deles estaria com o rosto tampado e que ainda deixaram para trás no momento da fuga, a faca utilizada durante o crime, um boné e um par de chinelos.

Já na tarde de ontem(12), policiais do Núcleo de Inteligência, localizaram um dos suspeitos na rua 4 no bairro Habitar Brasil, onde o mesmo confessou ter praticado o crime, com a confissão o infrator foi encaminhado a delegacia de Polícia Civil onde foi confeccionado um boletim de ocorrência referente ao fato, ao fazer uma consulta no nome do mesmo que foi identificado como, Nicolas Wilgner Souza Reis, de 18 anos, havia um mandado de prisão preventiva em desfavor do mesmo.

Na delegacia a nossa equipe esteve conversando com o suspeito, e ele alegou que chegou em Cacoal a cerca de duas semanas e que já foi preso por 3 vezes pelo crime de roubo a mão armada e se diz ser pertencente a facção do PCC, inclusive Nicolas já tem diversas passagens pela Polícia na cidade de Ji-Paraná e Ariquemes pelos mesmos crimes. Logo após a conclusão do boletim o suspeito foi encaminhado ao presídio local onde deverá dar início ao seu cumprimento de pena.

Fonte: Notícias190

Comments

comments