Exportação de carne desossada tem aumento de 89,22% em seis meses

CARNE_DESOSSADAO Estado de Rondônia vai comemorar o Dia do Pecuarista – 15 de julho – com um salto espetacular na exportação de carne desossada fresca, que só nos últimos seis meses em comparação com o mesmo período de 2015, teve um aumento de 89,22%, resultando num incremento na pauta de exportações da ordem de US$ 18,3 milhões contra os US$ 9,6 milhões do ano passado.

Em nome do governador Confúcio Moura, o titular da Secretaria de Estado da Agricultura, Evandro Padovani, comemorou o resultado e homenageou os pecuaristas do estado, afirmando que a categoria, mesmo com as dificuldades que enfrentou durante todo o ano passado – queda no preço da arrouba – não desanimou e continuou investindo em tecnologia de produção e em melhoramento genético do rebanho, resultando em ganho especial de produtividade.

Segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, os produtos bovinos representam 54,87% de toda pauta de exportações de Rondônia no período apurado (janeiro a junho/2016), destacando especialmente a categoria da carne desossada fresca ou refrigerada, resultado que, segundo o secretário Evandro Padovani, reflete o esforço do Governo em normalizar preço da arrouba para o produtor no estado.

O preço da carne em Rondônia foi objeto de um grande debate estadual que gerou até o movimento “Grito da Pecuária”, contra a cartelização operada por grandes frigoríficos, e pela retomada da normalidade das relações e dos preços, que suscitou a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) no âmbito da Assembleia Legislativa, considerada fundamental para fazer cumprir as regras e resgatar o respeito dos pecuaristas rondonienses.

Fonte:rondoniagora

Comments

comments

Comentar

Su dirección de correo electrónico no será publicada.