Adelino Follador alerta sobre a fragilidade da Polícia Civil e aponta necessidade de concurso público

Dentre os temas abordados o deputado realizou o convite para uma audiência pública no próximo dia 26 para a busca de soluções para o Transporte
 Na sessão ordinária desta terça-feira (7), o deputado Adelino Follador (DEM) convidou a população para audiência pública, que será realizada no dia 26 de novembro, às 9h, para tratar sobre o problema do transporte escolar no Estado.

O parlamentar enalteceu a importância da participação de seus pares, Ministério Público e membros do governo que assumirá a parti de 1º de janeiro de 2019, para debater a transferência de fundos com o intuito de evitar falhas no serviço.

Adelino relatou que vem buscando encaminhamento de recursos para resolver a situação do Departamento de Estradas e Rodagens de Rondônia (DER/RO), que convive constantemente com falta de combustível, podendo assim executar apenas serviços de emergência. Ele alertou a preocupação pela proximidade da chegada do período de chuvas, o que dificulta resolver os problemas crônicos das rodovias do Estado.

O deputado argumentou que na região do Vale do Jamari é necessário urgentemente ações efetivas na manutenção das estradas. “Em Ariquemes e municípios circunvizinhos precisamos de encascalhamento, pois as condições estão péssimas e precisamos de apoio para que o DER possa executar seus serviços”, disse o deputado.

Violência

O deputado Adelino Follador encerrou seu pronunciamento abordando o tema de Segurança Pública. O parlamentar recordou o roubo de armas do Fórum de Ariquemes, situado a cerca de 100 metros da Delegacia de Polícia Civil da cidade.

No dia da ocorrência, havia uma operação da Lei Seca, no mesmo local, com várias viaturas e mesmo assim os bandidos tiveram êxito e conseguiram efetuar o crime com duas vigilantes na hora do fato.

“A ousadia dos bandidos hoje não tem mais limites, o respeito pelas instituições inexiste”, relatou o deputado. “Naquele momento da Lei Seca estava cheio de policiais e mesmo assim, os bandidos tiveram êxito. Precisamos mudar as Leis e colocar limites para que a segurança pública obtenha resultados, pois hoje vemos uma inversão de valores”, completou Follador.

“O mal tem todos direitos neste Brasil e as pessoas de bem não tem assegurado seus direitos, pois deitam e rolam e os criminosos estão cada vez mais ousados”, enfatizou o deputado.

Adelino parabenizou a delegada de Polícia Civil, diretora geral da Instituição (DGPC), Valquíria Manfroi, que no próximo dia 23, inaugura a Delegacia de Polícia Civil de Alto Paraíso. Ele também agradeceu ao Padre Nilson que colaborou na cedência do espaço para a instalação da delegacia. Follador completou suas palavras elogiando o trabalho do ex-diretor da DGPC, delegado de Polícia Civil Dr. Eliseu Muller e ao governador do Estado Daniel Pereira (PSB) pelo empenho.

O parlamentar terminou sua intervenção pedindo para que não sejam retirados policiais de Ariquemes e da região do Vale do Jamari que é considerada uma das mais violentas do Estado.

“Deixo este apelo aos colegas deputados, que a Policia Civil precisa urgentemente realizar concurso público para aumento de efetivo”, alertou. “A delegada Valquíria disse que existem delegacias com apenas um policial trabalhando e muitos estão se aposentando, com isso a necessidade é real de suprir esta demanda”, finalizou explicando a importância da instituição que tem um papel fundamental no investigar e prevenir a violência, mas para isso precisa de estrutura necessária.

FONTE :ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE RONDONIA

Comments

comments